5 dicas para não errar no excesso de objetos decorativos

5 dicas para não errar no excesso de objetos decorativos!!!

A maior dúvida de nossos clientes, quando chegamos na fase de produção (fase em que a obra já terminou, os móveis estão conforme o layout e posicionamos todos os objetos decorativos) é onde relocar todos os objetos que possui.

 Separamos 5 dicas valiosas para não errar nunca mais!!!

(Imagem ilustrativa, acervo Wix)

1. Analise todos os objetos

O maior erro é colocar todos os objetos e souvenirs que possui em todos os móveis dos ambientes! Separe todos os objetos que possui (porta retratos, livros, objetos de viagens, vasos de plantas e flores) e analise com calma suas formas e cores.

2.Faça uma curadoria deles

Escolha o que realmente gosta e que combina com a sua decoração. Da mesma forma que fazemos isso quando vamos nos arrumar (isso referimos com roupas e acessórios), sua casa também tem que ser tratada assim, você não precisa expor tudo o que tem! Nem sempre tudo combina com tudo! Mescle alguns porta retratos, com um objeto bacana acima de um livro legal! Isso dá equilíbrio e contraste. E dessa forma mostra mais o entorno de seu móvel!

3.Arrume com carinho os objetos escolhidos

Posicione eles delicadamente, e divida o móvel visualmente em 3.  Os maiores sempre nas pontas (da esquerda para a direita) e os menores dando o toque final criando harmonia!!!

4. Cores da natureza

Arranjos de plantas naturais ou artificiais sempre são muito bem vindos. O verde cria equilíbrio nos objetos, cria ponto de cor e deixa a composição dos objetos mais leves e com vida!

5. Guarde o que não foi usado,

e troque quando quiser

Pronto!!! Dessa forma tudo fica em seu lugar, e cada objeto tem seu destaque e função exata! Você não precisa expor tudo, e sim pode ir trocando a decoração de tempos em tempos. Da mesma forma que na moda tem roupas que vem e voltam como tendência, a decoração também (costumamos dizer que a decoração anda de mãos dadas com a moda). Por isso guarde com carinho o que você não usou, e com o tempo pode mudando de lugar! Os ares se renovam quando renovamos os espaços, e sempre sua casa estará linda e com harmonia!

E ai, o que achou dessas dicas?

Você tem muitos objetos e ainda tem dúvidas?

Mande um email para contato@casaon.com.br e podemos dar dicas especiais a você!!!!

Agradecemos sua visita por aqui =)

Grande beijo,

Elemento atemporal

Madeira: Elemento atemporal

A madeira é um elemento extremamente usado na decoração, seja ela como revestimento, como estrutura em arquitetura, um objeto ou até mesmo um móvel fabricado através desse material natural. Podemos trabalhar  na decoração a madeira natural ou os revestimentos que imitam madeira, que se chamam Laminados Decorativos ou Melamínicos. Dessa forma, ela se torna um elemento atemporal, que está sempre em alta em qualquer decor!

Madeiras Naturais

Existem diversas tonalidades no mundo, e no Brasil a diversidade é imensa…tonalidades, veios e dureza diferem uma das outras.

Nós costumamos dizer que a madeira é um elemento natural, portanto uma tonalidade sempre irá combinar uma com outra (mesmo sendo inserida no mesmo ambiente).

Na decoração, onde este material está mais presente são nos pisos, móveis e painéis. As maiores propriedades e características que elas emprestam para a decoração são aconchego visual e tátil. Nos painéis e móveis, suas texturas e cores deixam o ambiente aconchegante e sofisticado. Já no piso, mantem a sua temperatura natural, fazendo com que o clima não modifique sua temperatura…deixando assim o ambiente mais agravável !

Quanto ao seu acabamento o que é utilizado para finalizar é o verniz, e existem três opções. São eles o acabamento fosco, semi-brilho e brilhante. O fosco mantem o aspecto natural da madeira. O semi-brilho, dá um pequeno reflexo. E o brilhante, cria uma película brilhante e bastante refletiva. Hoje em dia já não existe regra de qual acabamento é mais bonito, ou até mesmo o que está mais na “Moda”. A alguns anos atrás o verniz brilhante era considerado “brega” e hoje voltou com tudo! Portanto hoje a regra é utilizar o que mais lhe agrada, e o que faz mais o seu estilo de decoração!

Veja abaixo alguns projetos da CASAon, onde usamos folha de madeira natural e os diferentes vernizes que aplicamos.

Painel Geométrico revestido com folha de madeira natural Gray Wood. Verniz fosco e brilhante. Projeto CASAon PD | Pompéia | SP

Painel e Nicho superior para equipamentos revestidos em folha de madeira natural Nogueira Americana com acabamento em verniz semi-brilho.

Armário inferior revestido em folha de madeira natural Nogueira com acabamento em verniz fosco.

Laminados Decorativos

Já sobre laminados decorativos, existem diversas modelos e marcas no mercado. Existem as folhas de laminado decorativo solta (onde o marceneiro cola na chapa de madeira que irá usar para confeccionar o móvel) ou o MDF que já vem revestido com a lamina decorativa, o que aumenta a qualidade e durabilidade do móvel pois a chapa já vem revestida de fábrica. Em banheiros, é essa opção que mais usamos pois conforme a umidade do ambiente, evita com que a folha se descole já que ela já vem prensada de fábrica.

E quanto acabamento, este material já vem finalizado de fábrica. Portanto você escolhe por catálogo a aparência, textura e cor do material que prefere.

Abaixo algumas utilizações que fizemos deste material em nossos projetos.

Bancada e gaveteiro estruturado em MDF marca Duratex modelo Canion Rústico. Projeto CASAon | Vila Mariana | SP

Armário superior e torre de equipamentos em MDF marca Berneck modelo Carvalho Nice Poro. Projeto Camila Forni – Executivo e Gerenciamento CASAon Projeto RF | Alto de Pinheiros | SP.

O Poder das Cores

O poder das cores

As cores possuem um grande significado emocional, e isso interfere a relação de PESSOA X COR na decoração.

A introdução de cor de maneira errada na decoração, pode acarretar frustrações e consequente interferir no emocional do habitante daquele determinado espaço.

Por incrível que pareça eles possuem sim um poder de estimular nossas emoções.

Veja abaixo os ambientes que selecionamos de nossos projetos, para mostrar o significado e nossa proposta pra cada um desses espaços.

Rosa queimado + cinza concreto

Rosa é a cor do romantismo, da ternura e suavidade. Traz feminilidade e personalidade. Já o cinza concreto médio por ser uma cor neutra, ele não possui capacidade de estimular algum sentido, mas em contraste com o rosê deu equilíbrio a “brincadeira” que fizemos na parede de cabeceira desta suíte, através da pintura geométrica.

Azul Índigo + Cinza concreto

O Azul Índigo é uma cor marcante, forte, transmite reflexão e força. E mesclado com o cinza médio também, criou equilíbrio. Já que este ambiente (banheiro social) é um ambiente de pouca permanência, pudemos “ousar” em trabalhar com estes tons!

Verde Menta

Esta cor está associada aos elementos da natureza, é uma cor indicada para saúde e bem estar para as pessoas que habitarem este ambiente. Os tons claros deixam os ambientes refrescantes e acalmam o sistema nervoso de pessoas agitadas. Veja abaixo este dormitório que projetamos, onde inserimos o tom verde menta somente em uma das paredes ao fundo.

Designer de interiores

Porque contratar um Designer de Interiores?

Vamos começar pelo começo… e responder a pergunta, o que faz um designer de interiores?

Designer de interiores é um profissional capacitado a executar reformas de pequeno a grande porte e que possua em sua equipe um engenheiro responsável por todas as modificações que serão realizadas. Ele tem em sua formação acadêmica estudos de tudo o que envolve um ambiente que um ser humano pode habitar. Desde conhecimentos ergonômicos, espaciais, comportamentais, percepção do estilo do cliente e acima de tudo conforto visual e estético.

Este profissional tem o foco principal em trazer o bem estar e percepção estética do que lhe é solicitado pelo cliente e traduz isso resultando em um projeto de interiores com soluções que este cliente não conseguiria executar sozinho.

O projeto elaborado por um designer de interiores visa não só o espaço, como tudo que envolve o fluxo e a funcionalidade do ambiente em si.

Projeto FA – Sala Multifunções – Bairro Vila Mariana | SP

A grande diferença desse profissional é ter em sua formação tudo relacionado ao “interior” de um espaço, seja ele residencial, comercial, corporativo e/ou público. Essa profissão permite desenvolver a sensibilidade humana, e tudo que envolve a sensação de bem estar, como a iluminação, ventilação, fluxo de circulação e acústica.

Portanto, projetar um espaço vai muito além do que simplesmente linhas e cores, e sim um bom profissional tem a obrigação de entender o que seu cliente precisa, pois é ele quem irá usufruir de todo o espaço!

Desta forma, deixamos aqui exemplos de ambientes projetados por nós, com elementos essenciais para um bom projeto:

Bom gosto aliado com um projeto bem executado pela CASAon!

Projeto CN – Suíte Jovem – Bairro Jd. Anália Franco | SP

Projeto CK – Cozinha – Bairro Pinheiros | SP

Projeto CN – Living – Bairro Jd. Anália Franco | SP

Projeto PD – Corredor Circulação e Living- Bairro Pompéia | SP